logo1 ilha grande spazio
menu1 ilha grandeIlha Grande - A segunda das Sete Maravilhas do Rio de Janeiro. spazio
menu2 ilha grande spazio
colpr ilha grande
lmenu1
spazio spazio
- BUSCA NO SITE
- Página Principal
lmenu4
lmenu ilha grande
spazio Ilha Grande spazio
- Ilha Grande
- Horários dos Barcos
- Promoções Pousada
- Como Chegar
- Previsao Tempo
- Melhores Pousadas
- Pousadas Abraão
- Pousadas Araçatiba
- Pousadas Bananal
- Campings na Ilha
- Casas/Suítes/Flats
- Fotos Ilha Grande
- Restaurantes
- Praias Ilha Grande
- Trilhas da Ilha
- Vila do Abraão
- Informações Úteis
- Mapas Interativos
- História Ilha Grande - Sete Maravilhas
lmenu4
lmenu ilha grande
spazio Riacho Doce spazio
lmenu4
lmenu ilha grande
spazio Paraíso Ilha Grande spazio
lmenu4
col ilha grande
 Presídio da Ilha Grande   
spazio
spazio
A Vila de Dois Rios é um dos lugares mais visitados e fascinantes da Ilha. Os dois rios cristalinos que desaguam em suas areias claras deram nome à praia que, durante anos, abrigou o presídio Colônia Penal Cândido Mendes.
Uma praia encantadora. Porém o romantismo e a calma do lugar são verdadeiros antagonismos ao que ele já foi há anos, quando havia o presídio. Hoje só existem escombros.
As casas ao redor da praça eram moradia dos guardas do presídio, atualmente são ocupadas por ilhéus, pesquisadores, ciêntistas e técnicos da UERJ.
Veja a foto ampliadaPresídio da Ilha Grande - Dois Rios
Veja a foto ampliadaPraia de Dois Rios na Ilha Grande
Por cerca de 90 anos a Praia de Dois Rios abrigou o Presídio da Ilha Grande. Hoje a vila é praticamente deserta. Apenas as casas onde moram os antigos funcionários da colônia penal e o centro de estudos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, persistiram ao tempo.
O comércio é escasso, mas alguns moradores servem refeições para os turistas que passam o dia por lá. Uma boa dica é pegar a estrada que sai do Abraão, caminhar cerca de 2 horas pela trilha (T14) e conhecer todas as histórias e belezas que esta linda praia pode nos oferecer.
A história da UERJ na Ilha Grande se inicia em 1994, quando o Governo do Estado do Rio de Janeiro concedeu à Universidade, por cessão de uso, a área que havia sido ocupada pela Colônia Penal Cândido Mendes.
A inauguração das atuais instalações do Centro de Estudos Ambientais e Desenvolvimento Sustentável (Ceads), em 1998, foi um acontecimento importante para as atividades de pesquisa, ensino e extensão na UERJ e, desde então, o monitoramento ambiental tem sido a tônica do trabalho do Ceads.
Centro de Estudos da UERJ
Veja a foto ampliadaCasa de moradores em Dois Rios
Apenas mais um ex-presidiário continua na ilha Grande, Júlio de Almeida, que aportou em Dois Rios em 1958 e até hoje cumpre pena, mas agora em regime de condicional e diz que dali não sai. Apaixonado pela Ilha e por Dois Rios, seu Julio parece até um tipico caiçara da Ilha.
Simpático ele sempre conta algum "causo" daqueles tempos aos turistas mais curiosos.

Hoje restam as ruínas, mas a beleza da praia e a simplicidade do antigo vilarejo atraem turistas de toda parte do mundo.
Em breve, muitas das histórias sobre o presídio poderão ser reconstituídas. O Arquivo Público do Estado do Rio de Janeiro (Aperj), com o apoio da FAPERJ, está recuperando a documentação do Instituto Penal Cândido Mendes (IPCM), desativado em 1994.
Os documentos foram descobertos sob os escombros do presídio, em 2002.
Ruínas do Presídio Cândido Mendes


luizfernando de souza sexo
Bacaxa saquarema Rj
09/12/2014
Eu nasci na ilhagrande tenho orgulho de dizer isto un lugar lindo ! Minha mae,irmas primos colegas de infancia mora na ilha asveses vou na ilha visitar minhamae irmas meus parentes eu minha esposa tivemos na ilha janeiro2013 devido probremas de saude nao pude voltar la mais pretendo ir com meus filhos netos noras,meus filhos conheceram a ilha quando pequenos sempre estou conicando com minha irma e minha mae pelo tefone fiquei bastante tempos sem ir ailha devido de viagem de trabalho viagei muitos para exterior norte nordestes em fim mundo quase todos sai da ilha por volta ano 75 fui para marinha mercante.conheci lugares bonitos mais nao troco pela ilha grade. Agora eu gostaria porfavor! Se alquem conhece familia do meu pai se chamava dionizio jose de souza foi casado com maria da penha de souza (ela esta viva gracas adeus entre contato com migo . vou dar udica meu falecido pai teve irmaos mais so melembro de um Bernardo foi guarda do presidio morava Bangu primos natal luiza falecida tia chamava nina telefone de contato 22- 2653 5137 22-992559992 claro ok? Abracos obrigado quem puder me ajudar.fique com deus atodos.
Renata Casalini sexo
Teresopolis
25/11/2014
Meu avô morou na ilha e me contava que ele com mais três presidiários da Colônia Correcional , abriram o caminho do Abraão até a Colônia Dois Rios, utilizando uma bússola e facões.Ele me dizia que foram meses dentro do mato e que fora muito difícil,pois a mata era muito fechada.
Gabriel Marques Coan sexo
Florianópolis
22/08/2014
Para todos que estão preso nunca deixe de orar.
marisa ferreira de mello sexo
saquarema
11/08/2014
Pessoal meu pai trabalhou no presídio logo quando se formou em
medicina não sei como era chamado na vila mas seu primeiro nome : Antonino . Lembro de comentários sobre Luz del fuego ,mas não sei se morou na ilha,bom vou conhecer esse paraíso só agora e estou muito feliz por ir a um lugar que fez parte do seu crescimento profissional.
rogerio sexo
queimados
05/06/2014
eu fraquento a ilha grande a muito tempo e posso dizer que eu gosto bastante de lá, meu falecido avô trabalhou no presidio e também morou lá por muito tempo, é um lugar lindo que quando eu chego eu fico alegre e quando vou fico triste, mas logo fico alegre pois eu tenho a certeza que vou voltar. Queria aproveitar pra mandar um abraço forte para o Frei Luis e o Frei André lá da Paroquia São Sebastião .
Bombeiro Carlos Fonseca sexo
Praia de Canoa Quebrada - Aracati - Ceará
14/04/2014
Deus Abençoou
Bezerra da Silva
javascript:emoticon('')

Deus fez o mundo redondo pra ninguém se perder
Mas felizmente
O melhor aconteceu
Somente Deus sabe quanto sofri
Mas desta vez a elite selvagem eu venci
Somente Deus sabe quanto sofri
Mas desta vez a elite selvagem eu venci

Agora eu quero ver
O que vão dizer no mundo
Maldade não haverás jamais
Naquele solo profundo ai mamãe
Ai mamãe
Seu pedido Deus abençoou abençoou

É sua fé foi muito forte
Que o presídio da Ilha Grande acabou

Ai mamãe
Ai mamãe

Seu pedido Deus abençoou abençoou
Sua fé foi muito forte
Que o presídio da Ilha Grande acabou

Acabou pra felicidade dos fracos e oprimidos
Que viviam sem direção
Lutando contra tudo e contra todos
Naquele campo de concentração
Vendo tanta covardia
E crime hediondo constante
Onde alguns poderosos achavam fascinante

Ai mamãe
Ai mamãe

Seu pedido Deus abençoou abençoou
É sua fé foi muito forte
Que o presídio da Ilha Grande acabou

Ai mamãe
Ai mamãe

Seu pedido Deus abençoou abençoou
Sua fé foi muito forte
Que o presídio da Ilha Grande acabou
Carla Pereira sexo
mangaratiba rj
28/03/2014
Meu pai estava me contando sobre a historia do presidio a pouco tempo, ele fala que tinha um guarda q trabalhava la, era mais conhecido como , cachorrinho do mato, ele ia atras dos presos que fugiam pelo mato,, e nunca fraquejava , ele sempre recuperava os presos, ele me contou q esse guarda era primo da minha avo, ele morreu em santa cruz, se eu ñ me engano, morreu fuzilado...
Fernando César sexo
Mesquita RJ
14/03/2014
É minha história e verídica meu tio cumpria pena de 45 anos no regime fechado, onde cumpria pena na ilha grande como colono livre, uma espécie de semi aberto. para nós uma alegria pois a ilha é linda. para ele era uma prisão. felizmente nos anos 80 ele foi solto e ainda viveu muito tempo aqui antes de morrer de um efisema pulmonar adquirido na cadeia. continuo fisitando a ilha e me recordando dos tempos de crianças. inclusive do presidio de onde ele ia todos os dias dar o confere, uma espécie de chamada para os presos não fugirem. tenhos muitas recordações da ilha como o preso mamão que morava na casa da farinha, pirulito, irapuã e outros. e não posso esquecer do cachorrinho do mato que era um guarda que ia atras dos presos quando fugiam. e de alguns amigos que era filho de policiais que moravam na ilha como o charles.
Fernando César sexo
Mesquita RJ
14/03/2014
Fico muito feliz em ver essas imagens,pois passei a maior parte da infância nesse lugar. traz grandes recordações.
Roberta sexo
Rio de Janeiro
10/03/2014
Boa tarde, retificando, procuro alguém(ou o próprio) q tenha conhecido o Silvinho, seu nome é Silvio Moacir Vasconcelos Santiago nascido em 13/02/1960, loiro, olhos azuis, na época entre 1986, 1987 esteve preso na Ilha Grande. Perdemos contato com ele. Sou sua prima, filha da madrinha dele. Se alguém puder ajudar. Agradeço. Email p contato, robertapdsantos@gmail.com
Roberta sexo
Rio de Janeiro
06/03/2014
boa tarde. Alguém conheceu o Silvinho, loiro, olhos azuis q esteve no presídio em 1986, aproximadamente? Seu nome é Sylvio Romero. Agradeço.
V alentina oliveira sexo
Rio de janeiro
23/01/2014
eu naici na ilha grande meu pai era policial do presidio dois anos antes de ser dezativado fomos morar na coloniaestudei ma pequena escola ia todos os domingo a missa brinquei muito na praca lembro do toque da cirene no dia 20/01/14 meu querido pai faleceu aos 67anos nao lembro quantos anos ele ficou trabalhando mais lembro de como eramos felizv



>> História       
ft01 ilha grande spazio
ft11 ilha grande spazio
        WebMaster
Dedicado a todos que amam e respeitam este lugar. ® Direitos Autorais Reservados